domingo, 10 de março de 2013

Luminária de embalagens recicladas, criada pelo artista plástico paulistano Douglas Okura




Embalagens de papelão, alumínio e plástico. Embalagens de alimentos, produtos de limpeza, cosméticos, etc.


Somente os moradores da cidade de São Paulo produzem aproximadamente 15 mil toneladas de lixo doméstico, todos os dias.


Uma boa maneira de reduzir tal volume é a reciclagem dos materiais.


Em Barcelona, a organização Ecoembalajes España S.A. (ECOEMBES), congrega milhares de empresa no esforço de propagar e incentivar práticas que reduzam o impacto dos resíduos gerados pelas embalagens de seus produtos no meio ambiente.


Já o artista plástico paulistano Douglas Okura encontrou outra maneira de reaproveitar as embalagens: transformou-as em uma luminária, combinando cores e formas, em um padrão interessante e divertido:












Além de utilizar dezenas de embalagens em sua elaboração, a luminária criada pelo artista utiliza lâmpadas fluorescentes compactas, com maior durabilidade e menor consumo de energia – tudo em favor da sustentabilidade.


Até mesmo o bocal onde se encaixa o soquete da lâmpada e a alimentação elétrica, é feito com resíduos de embalagens:


Este post faz parte da série comemorativa das 500.000 visitas deste blog, e foi elaborado em visita especialmente marcada no ateliê de Douglas Okura, na cidade de São Paulo, onde fui gentilmente recebido pelo artista, juntamente comCarlo Luz, que me acompanhou e realizou as fotos acima, pelo que também agradeço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário