segunda-feira, 17 de junho de 2013

HIPER INTELIGÊNCIA



O que você fazia aos 14 anos? Brigava com a sua mãe cada vez que ela pedia para que você estudasse um pouco mais e dava sempre um jeitinho de cabular aquela aula de Matemática? Bem, esse não é o caso do jovem norte-americano Jacob Barnett, um adolescente de 14 anos que aos dois foi diagnosticado com autismo e atualmente é considerado um gênio.

Jacob é tido como mais inteligente do que Einstein, já está completando um mestrado em Física Quântica e, segundo a mãe, em entrevista concedida à BBC, nunca deixou de fazer coisas extraordinárias, ainda que os médicos tenham dito que ele mal conseguiria ler, escrever e fazer tarefas simples como amarrar o cadarço de seus sapatos.
Pequeno gênio

Fonte da imagem: Reprodução/PTJornal

Os médicos estavam certos em partes, pois o garoto teve mesmo muitas dificuldades em seu desenvolvimento e demorou a falar. Aos quatro anos, ele já fazia terapia e participava de programas especiais de aprendizagem. A mãe do menino, Kristine Barnett, conta que Jacob fazia coisas absurdas para a sua idade, como desenhar mapas no chão da sala e falar quatro idiomas desde cedo.

Segundo Kristine, foi durante uma visita a um planetário, quando Jacob tinha apenas quatro anos, que ela percebeu que seu filho tinha mesmo uma inteligência fora do comum. Nessa ocasião, o menino respondeu às perguntas que um professor havia feito à plateia a respeito de tamanhos de planetas e luas do Sistema Solar.
A faísca

Fonte da imagem: Reprodução/Amazon

O fato é que hoje Jacob é mesmo um gênio. Recentemente, ele teve alguns de seus trabalhos em Astrofísica avaliados por um professor da Universidade de Princeton, nos EUA. Desde então ele é considerado um forte candidato ao Prêmio Nobel da Física.

Suas teorias a respeito de Astrofísica começaram a ser desenvolvidas pelo supergênio quando ele tinha nove anos e essa história já virou narrativa em um livro chamado “The Spark” – algo como “A Faísca”, em uma tradução livre – escrito pela própria mãe do menino.

Aos 11 anos, Jacob ingressou na universidade e pôde se dedicar aos estudos mais aprofundados em Física Quântica, área na qual em breve, aos 14 anos, receberá o título de Mestre. Espertinho, não?

FonteBBC PT Jornal Mirror

Nenhum comentário:

Postar um comentário